Arquivo de Junho, 2013

Deu a temida lógica no final do torneio preparatório para a Copa de 2014. A zebra (ou azarada) seleção brasileira encara a franca favorita Espanha em pé de igualdade, superioridade e inferioridade em alguns termos e análises. Já circula na net as frases de desdém caso o Brasil leve o tetra (http://futirinhas.com/times/desculpas-que-darao-se-o-brasil-vencer-a-copa-das-confederacoes), mas uma derrota ‘normal’ (desde que não seja goleada e/ou com um Brasil apático similar a Londres-2012) já surtiria efeitos negativos a mr. big Phil, que na minha opinião é o menos culpado, adicionando mais um motivo às manifestações nas ruas. Partindo para a análise:

I) Por que a Espanha é favorita?

– A base do time: Tem a mistura perfeita dos dois maiores clubes do país, ou Barcelona sem Messi e Real Madrid sem Cristiano Ronaldo

– Longevidades: O técnico Vicente Del Bosque, assim como o time titular, estão juntos há mais de 5 anos

– Fator Pep Guardiola: tocar a bola incansavelmente até achar uma brecha, sem se arriscar no balão, em um esquema de posicionamento triangular perfeito

– Meio Cerebral: Busquets desarma, Xavi organiza e Iniesta avança. É simples, mas alguém supera esse trio?

– Cobrança de Pênaltis: Nenhum batedor contra a Itália chutou de qualquer jeito, inclusive os zagueiros

– Momento: A Fúria é a seleção a ser batida, com recentes 2 Eurocopas e 1 mundial, e há 29 jogos oficiais não sabe o que é derrota

– Reservas de Luxo: no banco estão as estrelas ‘estrangeiras’ (Juan Mata, David Silva, Javi Martinez), extremamente competentes em suas funções. Quem sabe um Fernando Torres?

II) Por que o Brasil é favorito?

– Neymar Calejado: Se antes era dúvida contra grandes seleções,  desencantou com o talento de sobra, fazendo gol de todos os tipos.

– Defesa ‘Experiente’: os laterais Daniel Alves e Marcelo conhecem bem seus companheiros de clube (e vice-versa); os zagueiros, a exceção de Réver, tiveram êxito em confrontos na Champions League.

– Avanço dos Volantes: Enquanto Luis Gustavo segura o piano, Paulinho, se revezando com Hernanes, podem ser as surpresas nas subidas e chutes de longa distância.

– Família Scolari: se Mano Menezes convocou quase 100 jogadores, Luis Felipe deu uma garimpada nas opções, faltando poucas peças e posições e serem acertadas.

– Bernard ou Lucas? Hulk está devendo gols na competição. Seu papel tático é até considerável (força física), mas as opções de correria e sufoco são muito bem-vindas.

– Vitórias contra seleções de nome: Ao vencer França, México, Itália e Uruguai, a seleção recuperou a confiança e moral

Abaixo, o último confronto entre as duas seleções, em 1999. Morientes e Emerson disputam a bola em um amistoso insosso de 0 a 0.

espanha-brasil-1999

 

Anúncios

Eric Hobsbawn e Steven Spielberg surtariam ao ver isso. E pensar que os adolescentes aprendem melhor com o baixo calão…

guerra-facebook11

Pior ignorante é aquele que não faz questão de pesquisar, de se informar. Só discordo em ‘aliviar’ pro lado do executivo federal: Dilma pode não ser a vigilante suprema, mas tem que estar a par do que acontece no legislativo e nos ministérios. Retirado do http://www.advivo.com.br/node/1417344

“1- Não compartilhe o vídeo dos atores da Globo contra Belo Monte. Esse vídeo de 2011 está cheio de informações falsas. Inclusive alguns atores que gravaram o vídeo se arrependeram depois de descobrir que o que eles disseram não era bem assim.

2- Não diga que foram gastos 30 bilhões em estádios. Na verdade, foram gastos 7 bilhões, que é coisa pra caramba. Desses 7 bilhões, grande parte é emprestado pelo governo federal, mas a maior fatia será paga pela iniciativa privada. Os outros 23 bilhões foram investimentos em infraestrutura, transporte e aeroportos. Inclusive, o investimento em transporte é uma das reivindicações dos protestos.

3- Nunca peça pro governo gastar com saúde o mesmo que se gastou com estádio de futebol. Nos 7 anos de preparação para a Copa, foram gastos aproximadamente 7 bilhões com estádios. Neste mesmo período, foram gastos mais de 500 bilhões com saúde. Então se vc fizer isso, na prática vc ta pedindo pra reduzir consideravelmente os gastos com saúde. Gastos com saúde nunca são demais. Então cuidado pra não pedir a coisa errada.

4- Não peça um presidente pra garantir que algum político seja preso. Isso é papel do poder Judiciário. O manifesto deve ser endereçado a este poder.

5- Não peça um presidente pra impedir a votação de uma lei ou PEC. Isso é prerrogativa do Congresso. O manifesto deve ser endereçado aos parlamentares.

6- Não peça um presidente pra cassar o mandato de algum deputado ou senador. Isso é papel das casas legislativas. Está escrito no artigo 55 da Constituição Federal.

7- Nunca peça pra fechar o Congresso e acabar com os partidos. O último presidente que fez isso foi um Marechal. Tal ato aconteceu em 1968 e foi nada menos do que o temido AI-5 da ditadura.

8- Não compartilhe aquelas informações falsas sobre o auxílio reclusão. O auxílio reclusão é um benefício pago à família do detento que contribuiu com o INSS, logo ele está recebendo um valor pelo qual já pagou anteriormente. O detento deve ser punido, não sua família.” (Sidney Braga)

Bolsa-copa para parlamentares? hummmm

Bolsa-copa para parlamentares? hummmm

Para serem entoadas até a garganta falhar…ou não! Mais uma vez um post conjunto, contando com a presença do ilustre ipuanense Orandes Rocha, do blog http://orandesrocha.blogspot.com.br/. As abreviações seguem para os sócios do blog (Guilherme – GK e Gabriel – GON) e para o colaborador (OR)

1 – Disparada (Jair Rodrigues) 

Escrita por Geraldo Vandré (o mesmo de Pra não dizer que não falei das flores… a do caminhando e cantando sabe?) e interpretada por Jair Rodrigues. A musica compara o povo com gado e o governo com os boiadeiros. (GK)

2 –  Alegria, Alegria (Caetano Veloso)

Hino do movimento cara pintada de 1992, a música era tema de abertura da minissérie “Anos Reveldes” que a Globo exibiu naquele ano e retratava os anos da ditadura e a resistência da juventude da época ao regime de exceção brasileiro. (OR)

3 – Monólogo ao Pé do Ouvido (Nação Zumbi)

Chico Science era o líder da banda pernambucana na época, em 1994, e clama pela revolução radical na sociedade brasileira, ainda inconformada com os trambiques de Collor, Zélia & Cia. Defende que a população unida deve combater os males (orgulho e arrogância). Só peca por citar nomes errados como bons exemplos: o mercenário Lampião e alguns arruaceiros dos Panteras Negras. (GON)

4 – Apesar de Você (Chico Buarque)

Música de Chico Barque que a escreveu alegando ser uma história de amor que acabou mal, por isso “apesar de você amanhã há de ser outro dia”.
Era, no entanto, uma espécie de “carta” endereçada ao Presidente Médici com duras críticas e uma esperança de que o futuro seria diferente (melhor). (OR)

5 – Selvagem (Paralamas do Sucesso)

Descrição de um manifesto, dividindo os personagens e suas repercussões dentro de suas realidades: polícia, governo, cidade e negros. Daí a crítica, implícita mas não menos ácida, ao abuso, à hipocrisia, ao abandono e à escravidão, respectivamente. (GON)

6 – Perfeição (Legião Urbana)

Sarcasmo, ironia, estupidez… vamos celebrar! (GK)

7 – Brasil (Cazuza)

A música deveria servir para marcar (e acordar o povo) no caos sócio-econômico em nosso país no final dos anos 80, em que fala de desigualdades sociais, controle e imposição de opiniões por parte da mídia global, além da situação indígena. Já se foram 22 anos desde a morte de Cazuza, e algo mudou? (GON)

8 – Vossa Excelência (Titãs)

8 anos (2005) atras os Titãs cantavam isso… 8 ANOS! (GK)

9 – Admirável Gado Novo (Zé Ramalho)

Paráfrase de Zé Ramalho ao clássico de Aldous Huxley, “Admirável Mundo Novo” sobre um futuro hipotético onde as pessoas seriam condicionadas psicologicamente e biologicamente a viver em harmonia e sem senso crítico. (é voce Rede Globo?)
O refrão da música de Zé Ramalho (“Vida de gado, povo marcado, povo feliz”) retrata a inércia que os brasileiros muitas vezes estão diante de fatos que indignam os mais críticos. (OR)

10 – Aluga-se (Raul Seixas) (sim, essa musica é do Raul, não é do Titãs)

Talvez seja a solução… caso o GIGANTE volte a hibernar. (GK)

A contextualização mais clara da Copa que veio e que está por vir. O espaço é nosso, o cash e o mérito são deles. (GON)

A FIFA alugou o Brasil para realizar um evento cujo dinheiro público foi a rodo e o tão falado legado não existirá. (OR)

MENÇÃO HONROSA! (essa foi a mãe do subzero que lembrou).

Inútil (Ultraje a Rigor)

Cuidar da vida aprendemos muito bem, nem que seja a dos outros. Estamos aprendendo a pescar e não aceitando (tão fácil) o peixe. (GON)

Porque agente demoramos muito para reagir. (GK)

Inútil são os que não sabem escolher presidente, espero que os reflexos dos protestos de hoje sejam sentidos nas eleições de amanhã (OR)

Bons Protestos e Boa Passeata (SEM DEPREDAÇÕES E AGRESSÕES)!

Diretamente do http://www.actionsecomics.net/2013/06/e-se-midia-brasileira-noticiasse-star.html

Parte I: Uma Nova Esperança

star wars pig 01

star wars pig 02

star wars pig 03

Parte II: O Império Contra-Ataca

folha imperio contra ataca

noblat imperio contra ataca

Parte III: O Retorno de Jedi

Exame_Starwars

veja imperio 2

veja imperio 3

Artigos opinativos sobre os protestos em São Paulo estão a perder de vista nessa semana. Parcialidade idem, que defendem a manifestação pacífica, a arruaça, a contenção pela polícia e a ação truculenta da mesma. Veículos (ou seria vínculos?) da imprensa optaram pela indiferença ou rotular as ações como vandalismo. Críticas ao evento Copa das Confederações vieram na mesma toada, denunciando o dinheiro de todos nós investido em um espetáculo restrito, e entenda-se restrito um lugar que peca com acesso a deficientes e número de banheiros, mas com latinhas a exorbitantes R$12.

Nas redes sociais, brotam murais com ’Você que protesta usa o transporte público?’e ‘Não percebe que só prejudica os pobres trabalhadores?’. A complacência com os desmandos do Estado é a melhor justificativa para a continuidade de medidas para benefício próprio.

Por R$0,20 a mais chega-se um enriquecimento absurdo por dia. Estamos falando da cidade com pelo menos 8 milhões de pessoas dependendo dos circulares, precários e sucateados diga-se de passagem. A mais poderosa mídia brasileira passou de informativa a um dos alvos dos manifestantes, com declarações infelizes de âncoras e colunistas, este de renome.  Mas está cada vez mais claro que o ligeiro aumento foi o estopim, e não a grande causadora das manifestações.

Ações de vândalos isolados devem sim ser contidas com austeridades, nada justifica depredar  lojas, carros e queima de lixo. O prejuízo são dos outros, diria Sartré ao ver tal cena. No entanto, generalizar o comportamento para toda a massa é um equívoco. Se a arte de manipular imagens foi um dom criado na Rússia Stalinista, fica esquisito ver PMs descendo o cassetete, mandando sprays de pimenta, bombas de gás e balas de borracha contra quem só porta cartazes e agride com a voz. ‘Liberté, Egalité, Fraternité e Vinagré’, palavras de um colega publicitário Caio Brugioni Gonçalves.

Panfletagens e hackeamentos poderiam ser um alerta aos órgãos públicos, mas não deixa de ser invasão de privacidade, quando é ausente a ética e cidadania, ainda que sejam desconhecidas por boa parte dos políticos, eleitos ou oposicionistas. Todo esse fato social e sua repercussão pelo mundo afora serve para notar que não existe o meio-termo ao exigir o direito de votante: ou é a favor dos que protestam ou dos que (tentam) manter a ordem. A falta de diálogo, tão defendido por Sócrates e Voltaire, até ocorre dos dois lados, só lembrando que a coragem é maior de quem porta arma de fogo.

Tudo isso em plena semana de abertura da Copa das Confederações, inflada muito mais em razão do Brasil ser ‘anfitrião-sorrisão’ do que a importância competitiva, na qual a seleção é tricampeã. A troco do quê mesmo? O retorno ‘merecido’ aos cofres do BNDES. Se foi dessa instituição que saiu grande parte dos bilhões pagos aos novos estádios, tem que receber de volta e de preferências a gordos juros. Viva hot-dogs a R$8!

A vaia à presidente Dilma conseguiu se destacar frente aos protestos em volta do Mané Garrincha, e há indícios de ações similares por todas as sedes (a exceção de Salvador e Fortaleza talvez). É justa sim e está na constituição de direito do brasileiro mostrar insatisfação com o voto jogado fora, a partir do momento em que o ingresso foi usado o expectador tem a total liberdade (não libertinagem) dentro do espaço. Educação e Respeito monsieur Blatter? E essa montanha de ‘padrão Fifa’ tacada goela abaixo no regulamento? Você se lembra do Ilmo João Havelange?

Bonito ver obras gerando empregos em Cuiabá, Manaus e Natal, será que pensaram em como aproveitar os estádios pós-copa? Não se trata de preconceito regionalista, e sim uma realidade: É possível recuperar os gastos com outros atrativos? Esperamos que sim. A África do Sul arca com problemas financeiros até hoje por precipitações desse porte, e como não há nada ruim que não possa piorar lá vai: grande parte do dinheiro investido no país de Mandela veio do setor privado. Conseguem calcular o provável rombo?

A bateria de perguntas feitas tem uma resposta mais simples que o controle da inflação. O povo está se cansando da mesmice administrativa em nosso país. E, por graças, estão batendo de frente usando argumentos ao invés de coquetéis molotov. A regra do governante incomodado com a população pensante é antiga, e os indignados mostrando a cara é uma boa prerrogativa para o slogan ‘O Gigante Acordou’.

Os movimentos de ocupações anônimas poderão trazer resultados positivos, precisava ser mais organizado e divulgado (o menosprezo da greve dos professores e ações indígenas são exemplos), mas não se deve comparar com a Primavera Árabe de 2011: primeiro porque estamos em fim de outono, e também a onda no continente africano foi uma exigência do povo para voltar ao regime político-religioso. O Brasil é um estado laico por direito desde a República de Deodoro, que adeptos de Feliciano e Malafaia tentando mudar há algum tempo.

998396_508177422571269_427374650_n

Você faz a cama (+1)
Você deixa a tampa da privada levantada (-5)
Você troca o papel higiênico que acabou (+2)
Você vai ao mercado só pra comprar papel higiênico (+5)
Na chuva (+8)
Mas retorna com cerveja (-15)

1) Tarefas simples

Você levanta de noite, pois ela ouviu um barulho estranho (0)
(obs. qdo a pontuação é 0, significa que vc não tá fazendo mais que sua obrigação).

Você levanta de noite, mas o barulho não foi nada (0)
Você levanta de noite e o barulho era de um rato (+5)
Você mata o rato (+10)

2) Social

Você fica ao lado dela a festa inteira (0)
Você vai beber ao lado dos amigos (-2)
Entre os amigos está uma mulher chamada Bruninha (-4)
Bruninha é loira e magra (-16)
Bruninha o conhece (-180)

3) No aniversário de casamento ou namoro…

Você a leva para jantar fora (0)
Leva para jantar fora e não é o restaurante de sempre (+1)
É o restaurante de sempre (-2)
É um boteco (-3)
É um boteco e a TV está mostrando futebol (-10)

4) Passeios com amigos …

Você sai com um amigo (-5)
O amigo é solteiro (-14)
O amigo é cheio de namoradas (-27)
O amigo dirige um conversível (-180)
A Bruninha vai junto!!! (-500)

5) Uma noite fora …

Você a leva para o cinema (+2)
Para ver um filme que ela gosta (+4)
Para ver um filme que ela gosta e você odeia (+6)
Você a leva para ver um filme que você gosta (-2)
O filme se chama ‘O massacre da serra elétrica III’ (-13)
Você mentiu e disse q seria um filme francês de amor (-135)
Na saída do cinema você encontra a Bruninha e ela faz aquela cena: ‘Queriiiiiiiidooooo , há quanto tempo!!!’ (-750)

6) Grandes questões…

Ela pergunta ‘Eu estou gorda?’ (-1) (é, você perde um ponto de qualquer jeito!)
Você pensa antes de responder (-10)
Você diz que não (-35)
Você diz que gosta dela mesmo que ela esteja gorda (-280)
Você faz comentários a respeito do corpo da Bruninha (-450)

7) Comunicação (ela quer contar algo)

Você ouve com uma expressão atenta (0)
Você ouve por mais que 30 minutos (+5)
Ouve por mais q 30 minutos s/ olhar para a TV (+10)
Ela percebe que você está dormindo de olhos abertos (-320)
Você balbucia o nome da sua querida amiga ‘Bru…Bruninha’ , enquanto está dormindo de olhos abertos (-1.000.000 + divórcio)..

 

imagem